Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

TERAPIA DAS PALAVRAS...

Viver é aceitar que cada minuto é um milagre que não poderá ser repetido..!

TERAPIA DAS PALAVRAS...

Viver é aceitar que cada minuto é um milagre que não poderá ser repetido..!

Sementes!

Calimero, 12.03.21

Nem sempre o silêncio é sinal de nada a dizer

Simplesmente dispenso plateias e luzes de ribalta
Porque o meu peito somente quer amor
Os meus baús só carregam memórias
O meu futuro flutua e é lá que estão os meus sonhos
 
Fiz desta fantasia a realidade da minha vida
E os meus sorrisos ainda me pedem para nascer
Por isso, já não irei mais remexer os meus silêncios
Alimentar-me-ei somente de cheiros suaves
Hoje é o presente e eu não quero ficar ausente
 
Semear amor é querer viver em amor
E nada voltará a ser como era dantes
Mas tudo pode ser melhor como nunca foi
Porque para trás ficam amores e desamores
Assim como palavras cansadas e estradas erradas
 
Hoje deito na terra sementes de paixão
Procuro a liberdade das fontes que renascem das pedras
Abro as janelas e deixo o vento entrar
E voo em busca de ninhos que me dão colo
Numa perfeita melodia de sedução e de luxuria
 
Por vezes, questiono-me de que cor serão os meus sonhos
Ou então como será a vida dum pássaro sem pouso
Já não voo nos céus da ilusão
Nem nunca serei um eco vazio de vida
E os meus pesadelos deixaram de ter nome
 
Quando o teu corpo solta borboletas no ar
Crescem-me sentimentos lascivos no olhar
Mas existem dias em que tudo parece uma teia
Que se confundem com a folha em branco dum poema árido
E depois, depois dou comigo a sonhar-te
 
 
11.03.2021
JCC
 

OIPXVHZT6TQ.jpg

(imagem retirada net)

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.